Dados Demográficos do Municipio

População estimada 2015 (1)

25.805
População 2010 24.219
Área da unidade territorial (km²) 1.253,564
Densidade demográfica (hab/km²) 19,33
Código do Município 3529203
Gentílico martinopolense
Prefeita ILZA FILAZI ASCENCIO

 

Estabelecimentos de Saúde SUS 10 estabelecimentos
Índice de Desenvolvimento Humano Municipal - 2010 (IDHM 2010) 0,721  
Matrícula - Ensino fundamental - 2012 2.866 matrículas
Matrícula - Ensino médio - 2012 1.023 matrículas
Número de unidades locais 787 unidades
Pessoal ocupado total 3.731 pessoas
PIB per capita a preços correntes - 2013 15.224,47 reais
População residente 24.219 pessoas
População residente - Homens 12.601 pessoas
População residente - Mulheres 11.618 pessoas
População residente alfabetizada 20.929 pessoas
População residente que frequentava creche ou escola 5.886 pessoas
População residente, religião católica apostólica romana 16.104 pessoas
População residente, religião espírita 85 pessoas
População residente, religião evangélicas 5.122 pessoas
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Rural 413,50 reais
Valor do rendimento nominal mediano mensal per capita dos domicílios particulares permanentes - Urbana 510,00 reais
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Rural 1.600,35 reais
Valor do rendimento nominal médio mensal dos domicílios particulares permanentes com rendimento domiciliar, por situação do domicílio - Urbana 2.001,64 reais

Fonte:IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Gentílico: martinopolense

Histórico

Martinópolis São Paulo - SP 
Histórico
Em meados do século XIX, sertanistas mineiros de Ouro Fino, liderados por José Teodoro de Souza, adentraram nas terras dos índios coroados, na Alta Sorocabana, dando início à formação de um povoado, conhecido na época como Patrimônio José Teodoro.
Com a chegada da Estrada de Ferro Sorocabana, hoje FEPASA, outros sertanistas começaram a chegar à região, concentrando-se junto às residências dos trabalhadores da Estrada de Ferro.
Dentre os novos moradores estava o Coronel João Gomes Martins, que por volta de 1924, dividiu para loteamento, as terras junto ao pequeno núcleo, agrupando, assim, o povoado.
O progresso levou seus moradores a pleitearem a elevação à categoria de Distrito de Paz, o que foi conseguido em 1929, com o nome de José Teodoro.
As lavouras de algodão e amendoim deram ao Distrito nova amplitude econômica, resultando na criação do Município, em 1938, com o nome de Martinópolis, em homenagem a seu maior benemérito. 
Gentílico: martinopolense 

Formação Administrativa
Distrito criado com a denominação de José Teodoro, pela lei nº 2392, de 20-12-1929, subordinado ao município de Regente Feijó. Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o distrito de José Teodoro figura no município de Regente Feijó. Assim permanecendo em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936- 31-XII-1937. 
Elevado a categoria de município com a denominação de Martinópolis, pelo decreto-lei nº 9775, de 30-11-1938, desmembrado de Regente Feijó. Sede no antigo distrito de Martinópolis. Constituído de 2 distritos: Martinópolis e Baliza, criado pelo mesmo decreto-lei que criou o município. Instalado em 01-01-1939.
No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o município é constituído de 2 distritos: Martinópolis e Baliza. 
Pelo decreto-lei estadual no 14334, de 30-11-1944, foi criada a comarca de Martinópolis com Sede na cidade do mesmo nome, Martinópolis e composta dos municípios de Martinópolis e Regente Feijó. Sob o mesmo decreto-lei é criado o distrito Teçaindá com áreas desmembradas do distrito sede do município de Lavínia e do distrito de Alfredo Marcondes do município de Alvares Machado e ainda este mesmo decreto-lei extingui o distrito de Baliza.
Pelo lei nº 233, de 24-12-1948, é criado o distrito de distrito de Guachos com sede no povoado de Vila Escócia, com área desmembrada do distrito sede do município de Martinópolis. Em divisão territorial datada de I-VII-1960, o município é constituído de 3 distritos: Martinópolis, Guachos e Teçaindá. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007. 
Alteração toponímica distrital 
José Teodoro para Martinópolis alterado, pelo decreto-lei nº 9775, de 30-11-1938.