Dados Demográficos do Municipio

População estimada 2016

25.966
População 2010 24.219
Área da unidade territorial (km²) 1.253,564
Densidade demográfica (hab/km²) 19,33
Código do Município 3529203
Gentílico martinopolense
Prefeito 2017
CRISTIANO MACEDO ENGEL

 

Fonte:IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Gentílico: martinopolense

Histórico

Martinópolis São Paulo - SP 
Histórico
Em meados do século XIX, sertanistas mineiros de Ouro Fino, liderados por José Teodoro de Souza, adentraram nas terras dos índios coroados, na Alta Sorocabana, dando início à formação de um povoado, conhecido na época como Patrimônio José Teodoro.
Com a chegada da Estrada de Ferro Sorocabana, hoje FEPASA, outros sertanistas começaram a chegar à região, concentrando-se junto às residências dos trabalhadores da Estrada de Ferro.
Dentre os novos moradores estava o Coronel João Gomes Martins, que por volta de 1924, dividiu para loteamento, as terras junto ao pequeno núcleo, agrupando, assim, o povoado.
O progresso levou seus moradores a pleitearem a elevação à categoria de Distrito de Paz, o que foi conseguido em 1929, com o nome de José Teodoro.
As lavouras de algodão e amendoim deram ao Distrito nova amplitude econômica, resultando na criação do Município, em 1938, com o nome de Martinópolis, em homenagem a seu maior benemérito. 
Gentílico: martinopolense 

Formação Administrativa
Distrito criado com a denominação de José Teodoro, pela lei nº 2392, de 20-12-1929, subordinado ao município de Regente Feijó. Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o distrito de José Teodoro figura no município de Regente Feijó. Assim permanecendo em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936- 31-XII-1937. 
Elevado a categoria de município com a denominação de Martinópolis, pelo decreto-lei nº 9775, de 30-11-1938, desmembrado de Regente Feijó. Sede no antigo distrito de Martinópolis. Constituído de 2 distritos: Martinópolis e Baliza, criado pelo mesmo decreto-lei que criou o município. Instalado em 01-01-1939.
No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o município é constituído de 2 distritos: Martinópolis e Baliza. 
Pelo decreto-lei estadual no 14334, de 30-11-1944, foi criada a comarca de Martinópolis com Sede na cidade do mesmo nome, Martinópolis e composta dos municípios de Martinópolis e Regente Feijó. Sob o mesmo decreto-lei é criado o distrito Teçaindá com áreas desmembradas do distrito sede do município de Lavínia e do distrito de Alfredo Marcondes do município de Alvares Machado e ainda este mesmo decreto-lei extingui o distrito de Baliza.
Pelo lei nº 233, de 24-12-1948, é criado o distrito de distrito de Guachos com sede no povoado de Vila Escócia, com área desmembrada do distrito sede do município de Martinópolis. Em divisão territorial datada de I-VII-1960, o município é constituído de 3 distritos: Martinópolis, Guachos e Teçaindá. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007. 
Alteração toponímica distrital 
José Teodoro para Martinópolis alterado, pelo decreto-lei nº 9775, de 30-11-1938.